quarta-feira, 22 de setembro de 2010

MERCENÁRIOS MESMO!!!


Nunca um filme teve um nome tão compatível com seu conteúdo e sua intenção:
Falo de OS MERCENÁRIOS, novo filme de Sylvester Stallone.
Depois de ressucitar seus mais famosos personagens da década de 80, Rocky Balboa e Rambo, ele tentou reviver o cinema brucutú descerebrado daquela época também.
Surpreendentemente os filmes finais (?) de Rocky e Rambo não eram ruins, Rocky Balboa ficou bom e Rambo IV interessante e fecharam bem os ciclos dos heróis.
Mas ele não foi tão feliz assim em reviver o cinema brucutú que ele fazia tão bem (?) nos anos 80, junto de outros brucutús com muitos músculos, armas e poucas palavras.
Quando VAN DAMME e STEVEN SEAGAL não aceitam fazer um filme isso é suspeito né? Os dois recusaram o convite de Sly!
OS MERCENÁRIOS não chega nem aos pés daqueles filmes menos inspirados que vinham direto para as locadores, um roteiro ruim, um bando de atores de ação jogados por ali e nem nos antagonistas ele acertou, ruins, fracos de doer. Pelo menos antigamente os vilões eram fortes e quase impossíveis de derrotar.
Os Mercenários, são incumbidos de derrotar um ditador de um País Sul Americano, tema batido, mas nem mesmo assim, bem explorado. Nossa atriz Brasileira (?) Gisele Ittie faz o que pode, ou seja, a mocinha rebelde e os tios fazem o que sabem: Tiros, socos, explosões, e raras palavras.
Salvam-se do desastre a pequena cena que se encontram os amigos: Stallone, Schwarzenegger e Bruce Willis, onde um sacaneia o outro e parecem se divertir e algumas cenas de luta muito bem coreografadas, onde o tio Stallone sessentão ainda mostra alguma intimidade.
Fora isso, é correr para a prateleira para assistir: Duro de Matar, Comando para Matar, Stallone o Cobra, que são bem, bem melhores.
Mercenários mesmo! Se juntaram pelo dinheiro e foram bem sucedidos! Tanto que a continuação já vem ai! E acabei de ler na internet que Stallone está convocando MIKE TYSON para o próximo!
NOCAUTE CERTO!
Ah...O título do filme em inglês em sua tradução literal significa mais ou menos: DESCARTÁVEIS...apropriado...

Nenhum comentário:

Postar um comentário