domingo, 10 de outubro de 2010

A ARCA DE NOÉ, VINÍCIUS E ZÉ


Em uma promoção da SMC, estamos tendo na Cidade a 2ª MOSTRA DE TEATRO INFANTIL DE PORTO ALEGRE, Teatro infantil gratuito. Ótima forma de promover os espetáculos e grupos envolvidos no projeto e proporcionar esse momento de encontro do pequeninos com a arte teatral. (Formação de platéia, essencial).
Aproveitei que meus horários também vão se ajustando e não pensei duas vezes em levar meus filhos menores 09 e 05 anos para assistir no RENASCENÇA o espetáculo A ARCA DE NOÉ, dirigido por Zé Adão Barbosa.
Na primeira montagem, lá pelos anos 90, levei minha filhota Juliana para assistí-la no teatro do SESC e lembro do encanto que foi para nós dois o espetáculo. Uma das peças gaúchas que nunca esqueci no decorrer do tempo e um exemplo de um bom teatro infantil.
Pois no ano 2010, na remontagem, apresentei-a aos meus pequenos, que também amaram (Já conheciam as músicas dos cds que tenho de Vinicius)e Juliana (Agora com 16 anos e teatrando na minha Cia) quando soube, fez questão de ir junto.
Renascença lotado, crianças e adultos vibrando, e atores muito bem em cena, um conjunto tão bom quanto o da formação que assisti nos anos 90.
Afinados, carismáticos, talentosos, ganharam a tarde e nos presentearam com mais um bom trabalho de Zé Adão.

PS. Como sei muito bem como funcionam certos mecanismos do ser humano, tenho certeza que uma grande porcentagem de gente que foi hoje, são os que iriam mesmo ele sendo pago, pois tem isso enraizado em seus valores e procuram mostrar esse universo das artes ao filho, essa herança cultural necessária. Mas torço pelos 10% que graças a essa iniciativa da SMC e do belo trabalho do grupo em cena, sejam os novos e futuros frequentadores, apreciadores e divulgadores do bom teatro que se faz em Porto Alegre.

DOMINGO DE VER A ARCA DO ZÉ, DO VINÍCIUS, DO NOÉ! ATÉ 31 DE OUTUBRO! SÁB E DOM AS 16HS NO RENASCENÇA

PS. Que pena que não encontrei na net fotos do elenco atual dessa remontagem com suas respectivas maquiagens!

Nenhum comentário:

Postar um comentário