sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Gigantes de Aço!


Não tive como não pensar em Sylvester Stallone assistindo a esse filme. Ele que a partir do final dos anos 70 nos trouxe (para o bem ou para o mal) personagens que tornaram-se ícones da cultura pop e independente deles, seu nome no cartaz era já o chamativo para longas filas.
Hugh Jackman hoje é um artista desse porte (Com mais capacidade dramática é claro) e que há uma década já vive o mutante Wolverine, mas que também chama a atenção quando seu nome está envolvido em alguma produção seja cult ou de teatro.
Gigantes de aço é um filme legal, apesar que o roteiro já de cara te indique o que vem por ai, mas mesmo sabendo o desfecho final (óbvio para alguns, mais óbvio ainda para quem assistiu Rocky) se consegue passar alguns minutos curtindo a história do personagem central (Jackman) o filho reencontrado e os "robôzinhos" lutadores de box.
Completando o que escrevi no início, Stallone estava lá em Rocky (De cara a gente lembra) e um filme menos pop dele, mas também muito assistido "Falcão o Campeão dos Campeões" onde ele viaja com o filho em meio a disputas de "queda de braço", após a morte da mãe do menino, disputa de guarda com sua família e (re)descobre o elo entre pai e filho.
Mesmo com esse ar de "já vi isso"o filme tem suas características próprias que o conduzem em suas próprias pernas de aço para um bom resultado.
Uma forçadinha de barra nos olhos cheios d'agua do menino na cena final, e uma coisinha ali, outra aqui, não tira a boa impressão do filme.
Filme família para diversão, sem traumas...

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

CAFÉ PRETTO - Vídeo!

No ar o piloto de um programa de Teatro/Música que estou fazendo, realizando mais um sonho: Contatar direto com o artista e seu público.
Agradeço ao Sérgio Teixeira que é o câmera e editor pela BAITA força. Mais coisas vem por ai...
abraços!
video

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

MOSKETEIRAS!


Voltamos Sábado em curta temporada!
Mais sobre a peça em www.mosketeirasteatro.blogspot.com

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Cala a boca e filma LARS VON TRIER!!!

Lars! Cala a boca e filma!!! kkkk

Melancolia - O filme - Recomendo ao cubo!

O cineasta Dinamarques Lars Von Trier, eclipsou seu ótimo filme MELANCOLIA no último festival de Cannes com a infeliz declaração sobre o nazismo.
Se foi humor negro, brincadeira, ou verdade, ele perdeu um grande oportunidade de ficar calado. Polêmica sempre anda junto com esse grande Diretor, mas quando fica restrito a obra cinematográfica dele é tão melhor!
Melancolia é um belo filme e pelas carinhas que se vê nessa "película" muito ator graduado de Hollywood sai correndo para estar em uma das obras dele (assim como o fazem com Woody Allen).
Melancolia é um achado, belo, intenso e ao mesmo tempo terno. Mesmo com um final de filme cuja as mortes assemelham-se as dezenas de filmes catástrofe que existem por ai (algo que estranhei) de forma nenhuma incomoda.
Melancolia não é pipoca, não é fast food, é um filme para ser degustado como um bom vinho!
Cujo o cálice é a linda Kirsten Dunst, premiada como melhor atriz em Cannes (Vc não precisa mesmo do tal Homem-Aranha)
Lars, que até hoje está respondendo por suas declarações, fez um comunicado a imprensa após ter sido convocado a depor na polícia de Zelândia do Norte.

"Devido a essas sérias acusações, eu percebi que não tenho as habilidades de me expressar claramente, e a partir deste dia decido que não darei mais entrevistas ou declarações públicas"

PS. Vai entrar no time de Terrence Malick ...É isso aí Lars! Assim como o CALA A BOCA GALVÃO, CALA A BOCA MAGDA, CALA A BOCA E FILMA LARS!!
Atualmente ele prepara seu novo filme: The Nymphomaniac

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Filmes que não valem a pena gastar dinheiro no cinema 2

No início de setembro eu estava ensaiando 2 peças por dia e em um grande intervalo entre uma delas me vi perdido, sem saber o que fazer e não querendo ir para casa. Aproveitei que era daqueles dias que as salas de cinema "imploram" para você ir, com ingresso as vezes 1/3 mais barato.
Entrei para assistir esse pois era o único que ocuparia o horário ocioso, já aborrecido um pouco, mas qualquer coisa eu me encostaria e dormiria um pouco ( como já fiz várias vezes).
Para mim o roteiro é mais furado que peneira, nada justifica nada, nem se fosse besteirol puro, não seguiu linha de humor nenhuma e o que vale mesmo são as imagens de Santiago e um ou dois achados cômicos! Onde está a felicidade? Não sei, mas um filme indispensável aqui não está!
PS...Bruna Lombardi continua linda!

Em "Onde está a felicidade?", Bruna Lombardi interpreta a chef de cozinha Teodora que após perder o emprego e terminar o casamento decide fazer uma peregrinação. O longa foi patrocinado pela Sabesp por meio do Programa de Fomento ao Cinema Paulista, da Secretaria de Estado da Cultura, e no último dia 14 conquistou dois prêmios importantes no Festival de Cinema em Paulínia.

Parte da filmagem foi feita no caminho para a cidade de Santiago de Compostela e também no município de Paulínia, que é conhecido por ser o maior pólo petroquímico da América Latina e cinematográfico do país.