terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Doze anos de CAMINHOS Q CRUZEI

 
Encerramos o 12° ano de apresentações da nossa primeira peça de teatro.
CAMINHOS QUE CRUZEI, AMIGOS QUE ENCONTREI estreou em 30/09/00.
De lá para cá muitos caminhos, muitos amigos, muitas alegrias, alguns momentos de tensão e muito, muito aprendizado.
Iniciamos o ano fazendo parte pelo 10º ano seguido do festival PORTO VERÃO ALEGRE, que tornou-se uma tradição das artes cênicas no Rio Grande do Sul. Foram 03 deliciosas apresentações no mês de janeiro, onde voltei a atuar constantemente, após um tempo só dirigindo, ou participando de alguma cena.
Em Abril, um grande público tomava conta do Teatro da Amrigs, em evento promovido pela APARS/RS, Associação Portadores de Parkinson, onde começamos a perceber ainda mais que o nosso trabalho não chamava só a atenção do público espírita, despertava interesse e carinho do público em geral, independente da crença.
Em Junho, com o friozinho já chegando, apresentamos na Casa de Cultura Érico Veríssimo em Capão da Canoa, em evento promovido pela Soc. Allan Kardec e o movimento espírita do Litoral Norte.
Lotação esgotada, com direito a cadeiras extras e apresentação para mais de quatrocentas pessoas. Nesse dia, estreou no elenco o jovem ator Eduardo Camargo.
Em Julho fizemos a apresentação de Sábado na nossa 2º MOSTRA DE TEATRO ESPÍRITA no Teatro da AMRIGS (Que tornou-se nossa casa, onde mais apresentamos nesses últimos dois anos).
Em Outubro foi a vez de Bento Gonçalves, o público lotou o salão do  CLUBE BOTAFOGO, Mais de seiscentas pessoas em um grande evento produzido por Chico Rampazzo e seus colaboradores.
Em Novembro, o grande desafio, fomos convidados pelos organizadores da FEIRA DO LIVRO de Camaquã para apresentarmos no palco principal, na praça, para o público presente na feira, escolas e os sempre colaboradores amigos espíritas que nos auxiliam com o seu carinho e divulgação.
Pela segunda vez no ano, nos foi mostrado que acima de tudo nosso trabalho é reconhecido como um trabalho do bem, que traz a arte e também uma boa mensagem e  isso é o mais importante.
O livro da peça teve sua 1ª edição ESGOTADA nas vendas em livrarias e nas apresentações, sendo já encaminhada uma 2º.
Participei como palestrante e com sessão de autógrafos nas feiras de CAPÃO DA CANOA E SANTO ANTÔNIO DA PATRULHA
Muito feliz com os caminhos da minha filha mais velha, que abriu as portas para tanta gente, para mim e sempre vai ser o nosso carinho, o nosso caminho.
Debaixo de aplausos, sorrisos, críticas, boas vibrações, vamos seguindo, procurando melhorar sempre, respeitando o nosso tempo, o nosso público, o nosso momento.
Agradeço a todos: Elenco, técnicos, produção, por mais esse ano bom!

Nenhum comentário:

Postar um comentário