quarta-feira, 23 de outubro de 2013

JOANNA DE AMOR - A INSPIRAÇÃO


No segundo semestre de 2011 eu estava em frente ao computador quando ouço aquela voz dizer: "JOANA DE ANGELIS", em ato contínuo, começo a baixar, colar, copiar tudo que era informação referente a mentora espiritual do médium baiano Divaldo Pereira Franco. 
Busquei muita coisa na internet entre livros, matérias, vídeos, entrevistas, documentários e deixei guardado em uma pasta carinhosamente batizada de Joanna de amor.
Ali estava desde já armazenada a matéria prima da futura peça da Cia Hariboll.
Não, não ouço espíritos (acho) e não consigo definir o que foi aquilo dentro da minha cabeça, aquela citação sobre essa veneranda mentora que eu nunca imaginaria um dia abordá-la por intermédio do teatro. Foi um "estalo"? Uma "inspiração"? Ou realmente "um toque lá de cima"?.
O que eu sei é que foram alguns dias mergulhado nisso, que a primeira pessoa que falei sobre o projeto é um amigo espírita que na mesma hora me alcançou um exemplar de um livro que ele acabara de adquirir chamado JOANA e JESUS. (Estranho não é mesmo?).
O livro foi meu companheiro no feriadão de carnaval de 2012 na belíssima praia de Itapeva, perto de Torres/RS, foi o meu amor de verão.
No decorrer do ano, meus compromissos com outros espetáculos já existentes e a montagem da peça adolescente FUGINDO PARA VIVER de Adeilson Salles, fizeram que eu deixasse o projeto Joanna em um cantinho, mas sempre regando a plantinha com amor e carinho.
A estréia estava prevista para novembro do mesmo ano, porém, não era o momento de expor a frágil flor ao forte vento.
Foquei minhas energias aos outros projetos da Cia Hariboll, fizemos mais uma deliciosa mostra de repertório no teatro da AMRIGS onde tivemos um público superior a duas mil pessoas e na sequência viajamos muito, como também, entramos em cartaz.
Quando tudo estava bem encaminhado nos "outros afazeres", voltei a focar minhas energias no estudo sobre Joana em intermináveis e deliciosas horas de estudo dos seus livros e das histórias de suas reencarnações na terra.
Após contatar o elenco, em maio fizemos a primeira reunião...

(CONTINUA)




Nenhum comentário:

Postar um comentário